Demografia e Geografia

Geografia

A região por sua peculiar localização dentro da Baía de Guanabara, conta com excelente ventilação, o que garante um clima bem mais ameno nos dias mais quentes de verão. Essa vantagem, por outro lado, representa um risco quando se tratam de grandes tempestades, pois o bairro fica sujeito a fortes vendavais e a incidência acima do comum para a região de chuva de granizo.
A arborização do bairro é bastante intensa, não apenas pela existência de reservas naturais de Mata Atlântica dentro da área da aeronáutica no Galeão e da Marinha no Jardim Guanabara, Bancários, Freguesia e bananal, mas também em diversas áreas públicas e principalmente nos quintais das inúmeras residências por todo o bairro, auxiliando na prevenção das ilhas de calor que se formam em algumas regiões pouco arborizadas e excessivamente construídas dentro de metrópoles. A APARU do Jequiá possui uma preservação do ecossistema de manguezal bastante considerável, em função de sua localização dentro da metrópole.

Hidrografia

O entorno da Praia do Engenho foi transformado em área de preservação ecológica através da construção de um parque municipal (Parque Professor Marcello de Ipanema). Além dessa praia, a ilha conta com outras, tais como:

  1. Praia dos Amores (Freguesia)
  2. Praia da Guanabara (Freguesia)
  3. Praia da Bandeira (Praia da Bandeira)
  4. Praia da Bica (Jardim Guanabara)
  5. Praia do Parque (Jardim Guanabara)
  6. Praia da Engenhoca (Ribeira)
  7. Praia do Galeão (Galeão)
  8. Praia das Pitangueiras (Pitangueiras)
  9. Há também um rioque corta a Ilha, o Rio Jequiá.

Demografia

Criminalidade e poluição

Os repetidos confrontos entre criminosos e policiais e entre facções criminosas rivais pelo controle do tráfico de entorpecentes não ocorre apenas na ilha, mas em toda a cidade. A violência em boa parte da ilha contrasta com áreas de grande tranquilidade, onde a ocupação é estritamente residencial.

A forte poluição que domina a Baía de Guanabara contribui para o degradação das praias da ilha. Estas continuam sendo frequentadas, embora mais nas areias e nos quiosques do que na água.

Religião

Destacam-se: na Freguesia, a Igreja de Nossa Senhora da Ajuda (tombada como patrimônio nacional e que completou trezentos anos em 2010) em frente da qual se localiza a herma em homenagem ao escritor [[Lima Barreto],Peixão, contando com entretenimento e lazer aos que ali frequentam]; no Jardim Guanabara, a Igreja de Nossa Senhora da Conceição e, na Ribeira, a Igreja da Sagrada Família ou a Igreja do Morro do Ouro. Na Ilha do Governador, atualmente existem sete paróquias, que fazem parte da Primeira Forania (região) do Vicariato Leopoldina, coordenado pela Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro.

A Ilha do Governador é dividida em quatorze bairros:

  1. Bancários
  2. Cacuia
  3. Cocotá
  4. Freguesia
  5. Galeão
  6. Jardim Carioca
  7. Jardim Guanabara
  8. Moneró
  9. Pitangueiras
  10. Portuguesa
  11. Praia da Bandeira
  12. Ribeira
  13. Tauá
  14. Zumbi